Checkout: a hora do tudo ou nada na venda

Por Herdy susi

Divulgue esse Artigo

Oferecer uma experiência simples e objetiva na hora de fechar a compra faz toda a diferença na conversão.

Imagine a seguinte situação: você é proprietário de um e-commerce e está começando a investir em estratégias de marketing digital para gerar mais conversão. Você empregou esforços para garantir a presença online do seu negócio, otimizou o layout do seu e-commerce, empregou verba em campanhas e conseguiu fazer com que o tráfego do site crescesse bastante. Porém, todo esse trabalho não está rendendo o resultado esperado. Aparentemente está tudo certo até a hora em que os clientes enchem seus carrinhos. Depois disso, a conversão simplesmente não acontece. Frustrante, não?

Esse cenário é mais comum do que você imagina. Segundo o levantamento do E-Commerce Radar, que analisou os resultados consolidados de 2017 no comércio eletrônico brasileiro, a taxa de abandono de carrinho é de, em média, 82%. A pesquisa observou, também, que o número de pessoas que seleciona os produtos via smartphone mas desiste da compra cresceu. É possível que esses leads retomem a compra depois, pelo desktop. Nesse caso, uma campanha de remarketing pode ser bastante eficiente. Mas pode ser que o problema seja outro.

Como o checkout do seu e-commerce funciona?

O momento em que o cliente finaliza a compra é tão ou mais importante quanto aquele em que ele chega à sua loja. É preciso cuidar para que nessa hora ele tenha uma experiência simples e objetiva. Isso transmite confiança sobre a operação e evita que ele perca muito tempo nesse processo. Para um cliente que está prestes a fazer uma compra por impulso, um minuto a mais pode ser suficiente para que ele mude de ideia.

Existem alguns fatores que são difíceis de contornar. O valor do frete ou o tempo estimado para a entrega, por exemplo, são motivos que podem afugentar alguns clientes em potencial. Oferecer diferentes opções pode ajudar, mas nem sempre vai ser suficiente. A boa notícia é que, para todos os outros problemas que podem acontecer no checkout, há solução.

Como otimizar o checkout?

A palavra de ordem quando o assunto é checkout é objetividade. Nessa etapa da jornada, é preciso guiar o consumidor para o fechamento da compra com a menor quantidade de passos possível. Fazer com que esse processo seja fácil deve ser o objetivo principal ao pensar na otimização. Tendo isso em mente, você pode adotar as medidas que apresentaremos a seguir:

    • Opte por uma plataforma de e-commerce que ofereça uma solução otimizada para o checkout. A VTEX, por exemplo, oferece o Smartcheckout, que resume a operação em apenas uma página e, com isso, diminui em até 50% o tempo necessário para realizar a compra.
    • Prepare seu e-commerce para receber usuários que utilizam smartphone. Esse tipo de acesso será cada vez mais frequente com o passar do tempo. Garanta uma boa navegabilidade e um ambiente seguro também na versão mobile.
    • Falando em segurança, transmitir essa sensação a todo momento da compra é fundamental para que o cliente não desista, sobretudo na hora do fechamento, onde ele informa dados pessoais e número do cartão de crédito. Certificados, selos, informações claras sobre os custos e cuidados como o checkout transparente (mesma URL do início ao fim da compra) dão conta dessa tarefa.
    • Elimine qualquer distração da página de checkout. Layout simples, botões aparentes e linguagem objetiva vão manter o foco do cliente no lugar certo.
  • Torne a experiência mais próxima oferecendo opções como login através das redes socias (que poupam bastante tempo e esforço preenchendo automaticamente os formulários) e reconhecimento automático de clientes recorrentes.

Divulgue esse Artigo


0 comentário (s):


O seu endereço de e-mail não será publicado.

Cancelar

Artigos relacionados